Planeta Sustentável

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Plano Marshall



O que foi
Com o final da Segunda Guerra Mundial, muitos países ficaram destruídos. Era necessário muito investimento financeiro para a reconstrução destes países. Neste contexto, foi criado nos Estados Unidos pelo então secretário de Estado George Marshall, um plano econômico cujo principal objetivo era possibilitar a reconstrução dos países capitalistas. A ajuda foi feita, principalmente, através de empréstimos financeiros.
O Plano Marshall deve ser entendido dentro do contexto histórico da Guerra Fria, pois foi uma forma de fortalecer o capitalismo e a hegemonia dos Estados Unidos. O Plano foi colocado em operação em 1947.
Principais objetivos do Plano Marshall
- Possibilitar a reconstrução material dos países capitalistas destruídos na Segunda Guerra Mundial;
- Recuperar e reorganizar a economia dos países capitalistas, aumentando o vínculo deles com os Estados Unidos, principalmente através das relações comerciais;
- Fazer frente aos avanços do socialismo presente, principalmente, no leste europeu e comandado pela extinta União Soviética.
Resultados:
O Plano Marshall foi exitoso e possibilitou, nas décadas de 1950 e 1960, a recuperação econômica de grande parte dos países beneficiados. Para os Estados Unidos o resultado também foi muito positivo, pois aumentou as exportações norte-americanas para a Europa Ocidental, além de expandir a influência política dos EUA sobre a região.
Com os países capitalistas fortalecidos, ficou mais fácil e seguro para o bloco capitalista fazer frente ao socialismo durante a Guerra Fria.
Curiosidade:
- Reino Unido, França e Inglaterra foram os países que receberam mais ajuda financeira dos Estados Unidos através do Plano Marshall.

Nenhum comentário:

Postar um comentário